Como avaliar desenvolvedor Front-end?

como avaliar front-end

Avaliar desenvolvedor Front-end é uma necessidade presente em momentos que vão além do recrutamento e seleção. Mas como assumir essa missão sem ter habilidades técnicas? Afinal de contas, são muitas particularidades a serem observadas. Por isso, fique atento neste conteúdo e absorva dicas valiosas de como contratar desenvolvedores Front-end talentosos para a sua corporação ou startup. 

Inicialmente, devemos lembrar que o time de desenvolvimento concentra os mais altos salários e é responsável por boa parte dos resultados de um negócio. Se você tem um e-commerce, por exemplo, não pode deixar o sistema nas mãos de qualquer profissional. Isso porque é preciso garantir qualidade e segurança no código-fonte e, como consequência, evitar que bugs comprometam o seu faturamento. 

O que faz o desenvolvedor Front-end? 

Se você está começando agora na área de recrutamento tech, é preciso compreender o que é um desenvolvedor Front-end e o que ele faz. 

Um DEV Front-end atua na construção de websites responsivos que oferecem uma boa experiência ao usuário. Este profissional é responsável por tudo aquilo que é visível ao usuário e que permite a sua interação, como um formulário, um botão de “clique aqui”, ícones dinâmicos, chatbots, entre outros recursos. 

Com a supremacia do digital, praticamente todos os negócios têm websites ou aplicativos. Por trás desse alto volume de canais de interação e divulgação estão os desenvolvedores Front-end. 

Aliás, eles respondem por uma grande parcela dos perfis profissionais da área de desenvolvimento. A pesquisa Stack Overflow, feita com 70 mil desenvolvedores do globo em maio de 2022, mostrou que 25,96% dos developers exerciam a função de Front-end. 

E para a mágica da interação acontecer na web, o desenvolvedor Front-end utiliza linguagem de programação e frameworks adequados aos requisitos do projeto. Para ficar por dentro desta área, veja a seguir quais são as tecnologias mais usadas por desenvolvedores Front-end. 

Quais as tecnologias usadas por um Front-end developer? 

Para avaliar desenvolvedor Front-end é preciso, de antemão, saber que algumas tecnologias farão parte da rotina de testes. São elas: 

  • HTML;
  • CSS;
  • JavaScript;
  • Frameworks como: React.js, Vue.js, Angular.js; Svelte; Bootstrap; Backbone; Ember.js; Foundation; JQuery, entre outros. 

Para ter conhecimento de cada uma das linguagens através de uma breve explicação, confira os resumos a seguir: 

HTML

HTML é a sigla de Hyper-Text Markup Language ou Linguagem de Marcação de Hipertexto. Ele ajuda o desenvolvedor a criar uma estrutura de blocos onde serão colocados os conteúdos de uma página web. Portanto, praticamente todos os sites que você visita utilizam recursos de HTML. 

CSS 

CSS é a sigla de Cascading Style Sheet ou Folha de Estilos em Cascata. Ele é utilizado com o HTML para estilizar elementos, como cor do texto, do fundo, fonte, espaçamento entre parágrafos, criação de tabelas, variações de layouts, ajuste de imagens nos diferentes tamanhos de telas (de desktop a smartphone), entre outros recursos. 

JavaScript 

A linguagem JavaScript garante o dinamismo da página web, permitindo assim a interatividade do usuário. Com JavaScript é possível ter elementos dinâmicos, como mapas, animações, infográficos, atualizações em tempo real, entre outros recursos. A grande vantagem é que JavaScript é processada diretamente no navegador do usuário, tornando assim o carregamento da página mais rápido. 

Além das linguagens, que são o alicerce do código, os frameworks vêm para facilitar o trabalho do desenvolvedor, que também precisa dominar todos os recursos e atalhos para aproveitar as funcionalidades da tecnologia e aprimorar o projeto a ser entregue. 

Muitas tecnologias que fazem parte da rotina do desenvolvedor Front-end são multiplataforma, no entanto, também é interessante avaliar se o DEV pode desenvolver aplicações para rodar em navegadores específicos, pois temos vários, como o Google Chrome, Safari, Firefox e Microsoft Edge.

SAIBA MAIS 

Veja dicas de como avaliar hard skills de desenvolvedores

Em quais situações avaliar desenvolvedor Front-end? 

Quando falamos em avaliação de talentos, logo vem à cabeça o recrutamento e seleção. Contudo, a avaliação pode ocorrer em outros momentos, como na equivalência da equipe, no PDI (Plano de Desenvolvimento Individual) ou na fase que antecede uma promoção. Veja mais informações a seguir. 

Recrutamento e Seleção 

Avaliar desenvolvedor Front-end apenas pelo currículo não é o suficiente. Este perfil profissional é complexo e exige testes mais aprofundados. Do contrário, você como pessoa recrutadora pode contratar um profissional não alinhado às expectativas da vaga, que precise ser desligado da empresa em pouco tempo ou que exija um acompanhamento e um treinamento mais criterioso logo após a admissão. 

Por essa razão, a avaliação técnica deste profissional é muito importante na fase inicial de recrutamento e seleção. Mas é claro que apenas os testes técnicos, sozinhos, não vão lhe fornecer os subsídios necessários para decidir sobre a contratação. 

Sendo assim, é fundamental incluir outras etapas, como teste comportamental e entrevista/dinâmica de fit cultural. 

No entanto, quando se fala em recrutamento e seleção, é interessante avaliar certos aspectos, como:

  • qualidade do código; 
  • lógica de programação; 
  • prazo de entrega;
  • cumprimento dos requisitos;
  • engajamento; 
  • nível de conhecimento (iniciante, intermediário ou avançado) da tecnologia requisitada. 

Portanto, fique atento a esses aspectos para avaliar desenvolvedor Front-end de maneira eficiente, rápida e segura. 

Equivalência da equipe 

O RH estratégico sabe da importância de uma equipe qualificada. Mas antes de aplicar treinamentos com os desenvolvedores, é preciso conhecer o nivelamento do time. 

Afinal de contas, os profissionais precisam passar por ações de upskilling conforme o seu nível de habilidades atual. Dessa maneira, o teste técnico é uma ótima ferramenta para identificar as suas skills. 

PDI 

Todas as empresas que desenvolvem PDIs com seus funcionários precisam de uma diretriz. Assim, saberão até onde podem cobrar melhorias. 

Nesse contexto, avaliar desenvolvedor Front-end e outros perfis profissionais com testes técnicos é de extrema importância. Somente assim, será possível ter mais clareza do ponto de partida. 

Portanto, ao testar seu funcionário antes de começar a adotar o PDI, você saberá quais os pontos de melhoria a serem cobrados e desenvolvidos. 

Promoção 

Outro momento importante do ciclo de vida de um funcionário no time de TI é a sua promoção ou mudança de escala de senioridade. Supondo que você contratou um desenvolvedor do nível Júnior, como identificar com mais precisão quando ele poderá ser considerado Pleno ou Sênior? 

Sabemos que o tempo de experiência de casa não é suficiente para apontar uma avaliação precisa. Portanto, para ser cirúrgico nesta avaliação é essencial contar com um teste técnico. Assim, avaliar desenvolvedor Front-end e outros perfis é fundamental para ter equipes mais alinhadas e com ótima performance. 

Soft skills também são importantes na área técnica?

Antigamente se olhava apenas para as habilidades técnicas de um profissional de desenvolvimento. Se ele dominasse a linguagem e o framework utilizado pela empresa, ele já era considerado ideal para a vaga. 

LEIA TAMBÉM 

Avaliação técnica: como testar desenvolvedores?

Mas com a atual visão percebe-se que a soft skill tem um grande peso na decisão da empresa. Além de conhecer e dominar as ferramentas, é preciso ter características comportamentais que permitam conduzir as atividades sem destoar do propósito da empresa. 

Por esse motivo, inclua a avaliação comportamental no seu processo seletivo para avaliar desenvolvedor Front-end. Para isso, existem plataformas de assessment comportamental válidas e eficientes. 

Como a Coodesh pode avaliar desenvolvedor Front-end?

E agora abrimos um parênteses para explicar como a Coodesh, que é uma HR Tech, pode ajudar empresas a encontrar desenvolvedores talentosos para os projetos de front-end. 

Em primeiro lugar, a Coodesh é uma plataforma de recrutamento e avaliação de profissionais de tecnologia com testes prontos e correção automatizada. 

A depender do plano contratado, a empresa anuncia a vaga, gerencia as candidaturas e conta com o suporte de especialistas em recrutamento.

Mas, de qualquer maneira, a plataforma é equipada com testes técnicos que se resumem nos seguintes produtos: 

  • Fast Challenge: é um teste teórico com 20 perguntas de múltipla escolha que avalia o desenvolvedor Front-end e outros perfis em menos de 30 minutos com perguntas de linguagens, frameworks e bibliotecas.  
  • Coding Challenge: é possível avaliar o desenvolvedor Front-end e outros perfis com diferentes testes de algoritmos em mais de 30 tecnologias variadas. 
  • Project Challenge: cobra a execução de um projeto técnico que pode ser desenvolvido em até sete dias pelo candidato. 

Além disso, a plataforma oferece teste comportamental que avalia o perfil psicológico do candidato e ajuda a orientar a entrevista e o restante do processo seletivo. 

Conclusão 

Você viu neste artigo que avaliar desenvolvedor Front-end é uma condição necessária em vários momentos, indo além da simples leitura do currículo. 

A Coodesh é uma plataforma de recrutamento e assessment que pode ajudar empresas como a sua fornecendo um suporte qualificado. Quer saber como? Acesse este link.

Escrito por Gizele Silva

Formada em jornalismo, sou apaixonada por comunicação e tecnologia, além de adorar descobrir as soluções que o marketing de conteúdo traz aos negócios.

o que é elasticsearch

O que é Elasticsearch?

marketplace de recrutamento

O que é e como funciona um marketplace de recrutamento tech: veja exemplos