Desenvolva suas hard skills com curso de Android Nativo

curso de android nativo

O curso de Android nativo está, com certeza, na lista de desejos do desenvolvedor que quer entrar para o universo mobile. Isso porque o Android domina 88% do mercado de aplicativos no Brasil e não é preciso ter um Mac para construir os primeiros projetos, como ocorre com o sistema iOS. Mas por onde começar a estudar? 

Enfim, preparamos um conteúdo especial com dicas sobre a carreira, como empregabilidade, hard  e soft skills mais desejadas e, sobretudo, dicas de cursos on-line para você aprender a construir projetos do zero para Android nativo usando Java ou Kotlin. 

Como está a empregabilidade do desenvolvedor Android? 

Afinal, como o sistema operacional Android domina 88% do mercado de aplicativos mobile no Brasil, já dá para imaginar que o mercado está aquecido. 

Por exemplo, o Relatório de Tendências de Apps para Dispositivos Móveis da Liftoff apontou que entre setembro de 2018 e agosto de 2019, foram lançados 1,45 milhão de apps Android no país contra 489 milhões de apps iOS. 

Portanto, as empresas estão requisitando perfis de desenvolvedores Android a todo tempo. Uma pesquisa por vagas para desenvolvedores Android no LinkedIn, por exemplo, resulta em mais de 2,3 mil resultados. 

Nesse contexto, profissionais dos níveis Júnior, Pleno e Sênior encontram vagas em fábricas de software, startups, empresas que operam apps de comércio eletrônico, entre outras oportunidades de trabalho. 

Qual é o salário do desenvolvedor Android?

O salário médio de um desenvolvedor Android varia conforme seus anos de experiência. Nesse sentido, confira um levantamento feito pela Coodesh: 

  • Júnior: R$ 3,5 mil a R$ 4,5 mil; 
  • Pleno: R$ 6 mil a R$ 9 mil; 
  • Sênior: acima de R$ 12 mil. 

Enfim, as remunerações são baseadas no regime CLT, mas podem ser ampliadas nos contratos PJ. 

Quais são as skills mais desejadas? 

O Android nativo tem código-fonte aberto e, por isso, as atualizações são constantes, exigindo perfis dispostos a estarem sempre reciclando seus conhecimentos. 

Hard skills

  • Conhecimento em Java; 
  • Conhecimento em Kotlin;
  • Compreensão do XML; 
  • Compreensão do Android SDK; 
  • Domínio do Android Studio; 
  • Saber lidar com API;
  • Conhecer base de dados; 
  • Ter noção de UX/UI.

Soft skills

  • Espírito colaborativo;
  • Bom relacionamento em equipe;
  • Vivência em gestão de projeto;
  • Flexibilidade para trabalhar num ambiente dinâmico;
  • Entender as necessidades do cliente. 

O que é o Android nativo? 

Um aplicativo nativo é aquele que só pode ser utilizado em determinado sistema operacional. Nesse sentido, o Android nativo roda apenas nos smartphones Android. 

Hoje em dia, a principal maneira de criar um aplicativo Android nativo é usando o Android Studio com Java ou Kotlin. Mas também é possível usar as linguagens C ou C++. 

Portanto, o Android Studio é o ambiente de desenvolvimento integrado oficial para o sistema Android do Google. 

Assim, em 1991, nascia o Java, uma das linguagens mais tradicionais e populares. A sua sintaxe é semelhante ao C e ao C++. 

LEIA TAMBÉM 

Curso de Flutter: veja dicas de escolas on-line para dominar essa tecnologia

Já o Kotlin surgiu apenas em 2011, contudo, foi apenas em 2017 que ela foi incluída como uma alternativa ao Java nas apps Android. Assim, dois anos depois, a Google anunciou o Kotlin como a linguagem preferencial para desenvolvedores Android. Hoje ele está preparado para interoperar com Java. 

Onde fazer curso de Android nativo? 

Como você viu até aqui, o desenvolvedor Android Mobile encontra boas oportunidades no mercado de trabalho. Logo, as vagas estão esperando profissionais capacitados ou que desejem aprender cada vez mais para encarar todos os tipos de desafios. 

Sendo assim, aproveite para ver agora algumas dicas de escolas com curso de Android nativo para você se especializar nesta carreira e virar uma referência na equipe. 

Udemy 

A Udemy tem um extenso catálogo de cursos de Android nativo, mas destacamos aqui alguns dos mais bem avaliados. 

Portanto, o primeiro é o “Curso completo de Android Oreo (8.0)” com Tito Petri. Ele ensina o aluno a criar clones de apps como WhatsApp, Twitter e muitos outros, com todas as tecnologias necessárias. 

Enquanto isso, o curso é baseado em projetos reais, adicionando conhecimento teórico e muitos exercícios. São 203 videoaulas num total de 21 horas. 

LEIA TAMBÉM 

Confira dicas de lugares para estudar swift para iOS

Já o segundo curso é o “Desenvolvimento Android Completo 2022”, que passou por recente atualização. Com o conteúdo repassado no curso, é possível criar 18 apps profissionais utilizando Java e Kotlin. O curso compreende 507 videoaulas e leva 107 horas para ser concluído. Sem esquecer-se, é claro, que os cursos da plataforma disponibilizam certificados digitais. 

Android Express 

O projeto Android Express nasceu do desenvolvedor Tiago Aguiar. Então, no curso de Android nativo, ele ensina a como desenvolver apps dinâmicas para vários segmentos. 

Entre as tecnologias abordadas com profundidade no curso da Android Express estão Android Studio, Kotlin, Java, Gradle, Widgets, Material Design, XML, Retrofit, Glide, Firebase, JSON, Design Patterns, Concurrency, SQLite, AndroidX, Jetpack, Emuladores e muito mais.

Alura 

A escola Alura possui uma formação para desenvolvedor Mobile em Android que compreende 31 cursos. 

Há opções desde como criar a sua primeira app mobile até aprender detalhes mais específicos, como o curso de appium para começar seus testes de interface. 

Portanto, é possível aprimorar seus conhecimentos com Kotlin, arquitetura Android, Firebase, testes automatizados, entre outros temas. 

Nessa jornada mobile, o aluno poderá aprender mais sobre o Android Studio, os fundamentos do Android, as funcionalidades mais complexas, a integração com serviços externos, o uso de mapas, a sincronização de dados off-line e muito mais. 

Quer saber mais? Então, clique neste link

Nextu 

O curso de Android nativo on-line da Nextu ensina os principais fundamentos dessa tecnologia. O aluno vai aprender sobre arquitetura Android, fragments e views, notificações e animações para usá-los nos aplicativos. 

Este curso é 100% on-line, porém com tira-dúvidas, conteúdo teórico e 80 exercícios práticos. Acesse o link do curso da Nextu e conheça melhor a proposta. 

School of Net

A School of Net oferece o curso “Recursos nativos em Android” com o instrutor Victor Lima. O curso ensina como acessar e manipular os recursos nativos do dispositivo Android. Afinal, como trabalhar com câmera, galeria de imagens, GPS, vibração, alarmes, entre outros. A escola também oferece outros cursos na área de desenvolvimento mobile, como em Cordova, Ionic, React Native e Xamarin. 

SoftBlue 

Para desenvolvedores que já dominam Java e querem ampliar seus conhecimentos em Android, o “Curso de Android 9 Pie Completo” da SoftBlue é uma boa opção. 

Sendo assim, ele contém 106 videoaulas com 80 horas expressas no certificado, que é obtido após uma avaliação com nota igual ou superior a 6,5. 

Cod3r 

Quem deseja ser desenvolvedor Android precisa estudar Kotlin. Por essa razão, a Cod3r tem em seu catálogo o curso “Fundamentos da programação moderna com Kotlin”. Assim, a linguagem é 100% compatível com Java e, por isso, quem já conhece a linguagem e a utilizou em projetos anteriores tem uma curva de aprendizado melhor. 

O curso vai ensinar como programar apps com fundamentos de Orientação a Objetos usando Kotlin. Além disso, a escola também oferece outros cursos em Android nativo, que podem ser consultados aqui

TreinaWeb 

Enfim, a segurança é fundamental nos apps, por isso, o desenvolvedor precisa aprender a proteger suas aplicações Android. Na TreinaWeb, os desenvolvedores irão aprender no “Curso de Android – segurança e criptografia nas aplicações” como funciona a estrutura nativa de segurança Android/Linux e ainda a proteger os diversos componentes da sua aplicação. São conteúdos teóricos e 13 exercícios práticos. 

Coursera 

Também é importante conhecer a linguagem de programação Java para criar apps para Android nativo. Por essa razão, a plataforma Coursera oferece o curso “Java para Android”, com conteúdo em inglês. Portanto, o curso abrange os principais recursos de Java, como o controle de fluxo de execução, o acesso de dados estruturados, o grupamento de operações e dados relacionados em classes e interfaces, entre outros temas. Desse modo, o curso é de nível iniciante e dá direito a certificado. 

Udacity 

A Udacity é uma plataforma de cursos on-line (em inglês) focados em TI. Selecionamos três cursos para Desenvolvedor Mobile Android gratuitos. Confira a seguir. 

Noções básicas do Android – interface do usuário”: voltado para o público iniciante. Afinal, não é preciso nenhuma experiência em programação para aprender as noções básicas do Android. Portanto, ao final do curso, o desenvolvedor estará apto para construir o layout de um aplicativo e praticar suas habilidades. 

“Desenvolvendo aplicativos Android”: o curso nível intermediário é destinado a alunos com pelo menos um ano de experiência em programação em Java ou ainda em C++, Objective C ou Python. O aluno aprenderá como adicionar menus aos apps. Mas também estudará como converter uma lista de dados em elementos visuais de interface, entre outros conteúdos. 

Desenvolvendo aplicativos Android com Kotlin”: já neste curso em nível avançado, o desenvolvedor mobile poderá aprender a arquitetar e desenvolver aplicativos Android na linguagem de programação Kotlin usando ferramentas e bibliotecas comprovadas pelo setor. Enfim, por meio das técnicas ensinadas, os alunos podem, em menos tempo, escrever menos código e com menos erros. Desse modo, é recomendado que o interessado já tenha experiência em GitHub, em IDE e em Programação Orientada a Objetos. 

Developer.android 

O treinamento “Android avançado no Kotlin” é oferecido na plataforma Developer.android para quem tem mais interesse em se aprofundar nesta área. O curso usa a linguagem de programação Kotlin e ensina sobre notificações, gráficos e animações no Android. Além disso, o aluno aprende como fazer login de usuários, adicionar mapas aos seus apps e testá-los adequadamente. Para não ter dificuldade com o código, o treinamento oferece ainda um tutorial em cada lição. 

IGTI 

Para ter uma formação completa como Desenvolvedor(a) Mobile Android, a escola on-line IGTI disponibiliza um bootcamp com desafios aplicados em projetos reais. Após os dois meses do curso, o desenvolvedor terá condições de atuar profissionalmente. O conteúdo teórico e o desafio final é ministrado pelo professor Lucas Schmidt. 

Conclusão 

E, então, ficou com vontade de estudar mais sobre essa tecnologia e fazer um curso de Android nativo para melhorar sua posição no mercado de trabalho? 

Comece pela documentação do Android nativo e pesquise pelas escolas que estão oferecendo cursos nesta área. Além disso, veja como ter seu perfil validado uma única vez para ficar no radar das principais empresas que estão contratando desenvolvedores Android. Clique aqui e faça o seu cadastro gratuito na Coodesh.

Escrito por Gizele Silva

Formada em jornalismo, sou apaixonada por comunicação e tecnologia, além de adorar descobrir as soluções que o marketing de conteúdo traz aos negócios.

spring boot

O que é Spring Boot?

como importar currículo do linkedin

Como importar currículo do LinkedIn na Coodesh?