in

Por que investir na carreira de Talent Acquisition?

Dentro das carreiras do RH Estratégico, uma das que mais chama a atenção é a de Talent Acquisition. Isso porque ela amplia o olhar sobre os talentos que compõem a equipe e que ainda farão parte dela no futuro. Veja neste artigo uma introdução a essa carreira e porque ela é tão importante para as organizações.

Portanto, se você já integra o RH em funções ligadas ao recrutamento ou Departamento Pessoal, saiba que o(a) Talent Acquisition é bastante requisitado, principalmente em times de RH Estratégico. Isso ocorre porque a função vai muito além do recrutamento simples para o preenchimento de vagas ociosas. 

O que é Talent Acquisition?

O(a) profissional de Talent Acquisition (Aquisição de Talentos) não é exatamente um(a) recrutador ou headhunter. Isso porque a sua principal função é nutrir e monitorar pessoas a serem recrutadas a longo prazo, conforme os novos projetos da empresa. 

Desse modo, percebe-se que a função é mais analista e estrategista. Mas para entender melhor a diferença das demais funções do RH, acompanhe os conceitos abaixo.

  • Recrutamento: é reativo e tem a função de ocupar vagas abertas na empresa.
  • Talent Acquisition: é analítico e estratégico, mantendo a função de atrair uma base de pessoas aptas para futuras vagas. 

Contudo, é importante que o(a) profissional de Talent Acquisition acompanhe a rotina de uma pessoa recrutadora do RH Estratégico e auxilie em seus trabalhos. 

Quais são os principais pilares? 

O(a) profissional de Talent Acquisition trabalha baseado em alguns pilares importantes para a sua atuação. Confira alguns deles na sequência. 

Estratégia: a pessoa que ocupa este cargo precisa planejar e olhar de forma estratégica para as principais peças do quadro de funcionários(as), verificando quais funções devem ser acrescentadas ou alteradas. 

Employer Branding: embora não seja a sua função principal, o employer branding (marca do empregador) está no radar deste(a) profissional. Afinal de contas, a marca não quer apenas atrair consumidores, mas também talentos. Nesse sentido, a pessoa dessa área deve monitorar como a empresa vem se posicionando perante o quadro interno e o público externo de pessoas candidatas. 

Gestão de futuros talentos: a partir do momento em que você estabelece contato inicial com os futuros talentos do time da empresa, deve ter em mente que precisa nutrí-los com informações sobre a empresa, o seu posicionamento e os projetos futuros que podem envolver a pessoa interessada.   

Análises: é importante criar um mecanismo para ter métricas e construir análises fundamentadas nas novas contratações de sucesso. Lembrando que o recrutamento em si é apenas uma parte da aquisição de talentos. Sendo assim, pode-se observar outras variáveis com uma pesquisa qualitativa, por exemplo. 

E quanto às responsabilidades de um(a) Talent Acquisition?

O(a) Talent Acquisition nutre e acompanha os futuros talentos da empresa

O(a) Talent Acquisition, como dissemos, está diretamente ligado aos projetos do RH Estratégico. Sendo assim, veja as suas responsabilidades mais comuns: 

  • acompanhar as rotinas de recrutamento; 
  • selecionar fontes de recrutamento;
  • elaborar indicadores internos da atração de talentos; 
  • preparar conteúdo para nutrir talentos que ainda não pertencem à equipe, como o conteúdo de e-mails; 
  • participar de reuniões estratégicas;
  • conhecer a realidade do mercado de trabalho dos principais setores da organização. 

Habilidades

Outro quesito importante perseguido pelas pessoas coordenadoras de RH, por consequência, é o conjunto de habilidades do(a) Talent Acquisition. Confira algumas aqui:

  • formação em Psicologia, Administração ou Gestão de RH;
  • boa comunicação, organização, orientação para resultados e inovação;
  • conhecimento em plataformas de gestão de tarefas; 
  • conhecimento em geração de conteúdo;
  • participação em projetos de employer branding. 

Além disso, é interessante que a pessoa que ocupa essa função busque sua qualificação contínua para apresentar soluções à empresa sobre as melhores estratégias de atração de talentos. 

Salários 

O(a) profissional dessa área pode ser bem remunerado dependendo do plano de carreiras da empresa ou startup que representa. 

Mas só para fazer um comparativo, o site Vagas apresentou as seguintes médias salariais para a profissão. 

  • salário inicial: R$ 3.698,00; 
  • intermediário: R$ 5.094,00;
  • teto: R$ 6.581,00

Os números foram baseados em vagas anunciadas no próprio site. 

Conclusão 

O(a) Talent Acquisition tem papel fundamental na empresa que tem planos bem definidos de como aumentar a equipe e crescer, por exemplo, para ter mais ganho de produtividade e de resultados de um modo geral. 

Como você viu, entre as responsabilidades deste(a) profissional está a busca por canais de recrutamento e seleção. Nesse sentido, a Coodesh pode ser uma aliada do RH Estratégico das empresas. 

Isso porque somos uma startup de tech recruiter remoto que ajuda o RH a acelerar a busca por profissionais de tecnologia, visto que entregamos as melhores pessoas candidatas à organização, que por sua vez assume a seleção e a contratação. Quer saber mais sobre as nossas soluções? Entre em contato conosco.

Escrito por Gizele Silva

Formada em jornalismo, sou apaixonada por comunicação e tecnologia, além de adorar descobrir as soluções que o marketing de conteúdo traz aos negócios.

Negociação salarial na área tech: como o RH pode calcular e negociar valores?

O que é gRPC?