Quantas linguagens de programação existem e quais são mais populares?

Linguagens de programação: você com certeza tem a sua preferida. Mas você sabe dizer quantas delas existem, quais são as mais populares, quais delas ganharam mais fama nos últimos anos e quais entraram em decadência? Acompanhe esse post para matar sua curiosidade. 

O primeiro passo é lembrar o conceito de linguagem de programação. A linguagem lembra o idioma que falamos com os nossos conterrâneos. Um estrangeiro, por exemplo, precisa conhecer nossa linguagem para se comunicar conosco. Com a linguagem de programação é a mesma coisa: você precisa se comunicar com uma máquina

Linguagem humana vs linguagem de programação 

Existem cerca de 7 mil idiomas no mundo, porém apenas 23 são falados em mais da metade da população mundial. Segundo a Ethnologue, os três idiomas mais falados no mundo são: 

  1. Inglês (1268 milhões de falantes);
  2. Chinês Mandarim (1120 milhões de falantes);
  3. Hindi (637 milhões de falantes). 

O Português ocupa a nona posição no ranking, com 252 milhões de falantes. 

E com a linguagem de programação não é muito diferente. De acordo com a Universia.net (maior rede universitária do mundo), há perto de 1300 linguagens de programação conhecidas, sendo que o número das mais usadas bate os 50, segundo a Tiobe. 

O que é linguagem de programação? 

Não há um conceito formal, mas pode-se dizer que linguagem de programação é o meio utilizado para desenvolvedor e máquina se comunicarem. 

A linguagem funciona por meio de instruções, palavras-chave, regras semânticas e sintáticas e ainda símbolos ordenados. 

Historicamente, uma das primeiras linguagens que se tem notícia no mundo da programação é a Plankalkül, criada por Konrad Zuse na Alemanha Nazista. No entanto, ela quase não teve impacto no futuro das linguagens de programação.

Foi com o avanço da Tecnologia da Informação que surgiram novas linguagens, como as mais conhecidas e importantes da atualidade. 

Quais são as linguagens de programação mais populares? 

Cada desenvolvedor ou programador tem sua preferência, além disso, dependendo da sua carreira, você pode adotar tecnologias mais condizentes com o trabalho do dia a dia. 

No entanto, há alguns idiomas que se sobressaem nas comunidades de Front-end, Back-end, Data Science e Full-stack developers. Confira abaixo um ranking das linguagens mais populares, segundo a RedMonk (divulgado em agosto de 2021): 

  1. JavaScript;
  2. Python;
  3. Java;
  4. PHP;
  5. C#;
  6. C++;
  7. TypeScript; 
  8. Ruby;
  9. C;
  10. Swift;
  11. R;
  12. Objective-C;
  13. Scala; 
  14. Shell;
  15. Go;
  16. PowerShell;
  17. Kotlin;
  18. Rust;
  19. Dart. 

Mais usadas 

E, então, com quais delas você mais se familiariza? Para saber mais sobre as linguagens mais praticadas no mundo, confira agora a lista da StackOverFlow (de maio de 2021). Ela foi baseada na opinião de desenvolvedores que responderam sobre a tecnologia que usam nos projetos. Veja a colocação: 

  1. JavaScript (64.96%); 
  2. Python (48.24%); 
  3. Java (35.35%);
  4. Node.js (33.91%);
  5. TypeScript (30.19%); 
  6. C# (27.86%);
  7. Bash/Shell (27.13%);
  8. C++ (24.31%). 

Hall da Fama 

Além de verificar, mês a mês, as tecnologias mais usadas pelos desenvolvedores, a empresa Tiobe faz um levantamento anual das linguagens de programação que receberam avaliações mais positivas. Com vocês, o Hall da Fama do índice Tiobe na última década: 

  • 2020 – Python;
  • 2019 – C;
  • 2018 – Python;
  • 2017- C;
  • 2016- Ir; 
  • 2015- Java;
  • 2014- JavaScript;
  • 2013- Transact-SQL;
  • 2012- Objective-C;
  • 2011- Objective-C. 

Desempenho

E não para por aí. O GitHub também monitora os principais idiomas utilizados pelos desenvolvedores ao longo dos anos. Sendo assim, acompanhe a seguir a lista das tecnologias mais bem classificadas em 2020

  • JavaScript; 
  • Python;
  • Java; 
  • TypeScript; 
  • C#; 
  • PHP; 
  • C++; 
  • C; 
  • Schell; 
  • Ruby. 

Confira neste link a evolução das linguagens desde 2014, segundo o levantamento do GitHub. 

Quais linguagens de programação são brasileiras? 

Cada linguagem de programação tem uma história por trás de sua criação. Em regra geral, elas foram criadas por engenheiros de empresas de tecnologia que buscavam soluções mais completas para substituir outros idiomas que já vinham sendo utilizados. 

Mas você sabia que existem duas linguagens de programação brasileiras? Embora elas não estejam no ranking das mais populares, elas também ocupam seus lugares ao sol. Veja quais são elas: 

Elixir: a linguagem Elixir foi desenvolvida pelo brasileiro José Valim e foi bem recebida no Vale do Silício. O seu objetivo é fazer com que as aplicações extraiam o melhor aproveitamento e produtividade no Erlang VM. Hoje a Elixir está sob a licença da Apache 2.0.  

Lua: foi a primeira linguagem desenvolvida por brasileiros, mais especificamente na PUC (Pontifícia Universidade Católica) do Rio de Janeiro. O objetivo era atender à equipe de desenvolvimento da Petrobras. Hoje em dia é utilizada no desenvolvimento de jogos (como Far Cry, Angry Birds e World of Warcraft) e também por algumas aplicações da Nasa. 

Quais tecnologias estão em alta? 

Em meio a tantas linguagens, qual delas aprender para conquistar boas colocações no mercado de trabalho? Acompanhe nossas dicas: 

Python: linguagem open source criada em 1991 com fácil curva de aprendizado, sendo usada em várias carreiras, especialmente em Data Science; 

Java: criada em 1995, foi muito utilizada no passado, mas continua em evidência, sendo bastante versátil e podendo ser utilizada em qualquer sistema; 

C e C++: embora sejam diferentes, acabam sendo bastante requisitadas nas principais ofertas de emprego, por garantirem aplicações robustas e completas; 

JavaScript: ela ocupa a liderança dos principais rankings de linguagens de programação, além de continuar sendo uma das principais tendências para os próximos anos. Seu foco está em desenvolvimento web, mobile e jogos. 

Go: a linguagem criada pelo Google vem crescendo, principalmente devido à facilidade na criação de aplicações web e APIs, mantendo-se como uma das apostas para os próximos anos. 

Conclusão 

Como você viu, ser desenvolvedor começa pela escolha da linguagem de programação que faz mais sentido para a sua carreira. Portanto, se você é nível Júnior ou se está querendo enriquecer seu currículo aprendendo novas tecnologias, reveja o ranking das linguagens mais populares neste artigo e escolha uma delas para iniciar seus estudos

Afinal de contas, por serem mais requisitadas pelas empresas e startups em expansão, essas linguagens acabam tendo boa empregabilidade. Lembre-se que o mercado está carente de DEVs qualificados e você poderá encontrar ótimas oportunidades. 

Depois de se aperfeiçoar na área, que tal conhecer as oportunidades geradas na plataforma da Coodesh? Somos uma HR Tech que valida profissionais para o mercado de trabalho. Portanto, faça parte do nosso banco de talentos através do cadastro gratuito no site.

Escrito por Gizele Silva

Formada em jornalismo, sou apaixonada por comunicação e tecnologia, além de adorar descobrir as soluções que o marketing de conteúdo traz aos negócios.

Veja 22 lugares para fazer cursos de Front-end React.js

O que é Clojure?