Conheça escolas on-line para fazer curso de Elixir

escolas para aprender Elixir

Afinal, por que fazer um curso de Elixir? A linguagem 100% brasileira é adotada em aplicações famosas, como WhatsApp e Discord. Ela não é tão popular quanto outras linguagens de programação funcional, como o JavaScript. Por isso, dominar esse idioma é um ponto positivo. Afinal, o desenvolvedor Back-end Elixir tem um dos melhores salários em nível global. 

Além de vídeos, artigos, livros e tutoriais na internet, o programador interessado pode ir diretamente na fonte, ou seja, fazer um curso on-line para aprender a codar em Elixir de um modo mais estruturado, com começo, meio e fim do aprendizado sobre os conceitos. 

Outra vantagem é que a maioria dos cursos, sendo gratuito ou pago, em português ou em inglês, fornece certificado. Portanto, o desenvolvedor pode sair na frente em um processo seletivo. 

Nesse cenário, conheça neste conteúdo algumas informações importantes sobre a linguagem brasileira e usada por programadores de todo o mundo. 

Saiba o que é Elixir 

Elixir é uma linguagem de programação funcional executada na máquina virtual do Erlang. Ela foi desenvolvida no Brasil e lançada em 2012. Só para complementar, Erlang foi criado pela Ericsson, marca de celular tijolão dos anos 2000. 

O “pai” do Elixir é o desenvolvedor de software José Valim, que também criou o framework Phoenix. A criação da linguagem se deu durante um projeto da empresa de consultoria Plataformatec, da qual Valim é cofundador. 

Sendo assim, a linguagem brasileira passou a ser usada por desenvolvedores de todo o mundo e conquistou grandes empresas de tecnologia. 

Seu código é executado através de processos isolados. Isso aumenta a eficiência quando os recursos disponíveis pelas máquinas são usados. 

Com o polimorfismo, a linguagem de programação se torna mais extensível e, como consequência, novas funcionalidades podem ser adicionadas. 

Entre as vantagens de usar a linguagem estão o alcance de maior escalabilidade, maior tolerância a falhas, mais agilidade no desenvolvimento de novos projetos e menos bugs, entre outros itens. 

Veja frameworks usados com Elixir 

Para codar com Elixir existem alguns frameworks bem aceitos no mercado de desenvolvimento. Saiba mais sobre eles a seguir. 

  • Nerves: é open source e permite criar e gerenciar dispositivos IoT (Internet das Coisas) com segurança;  
  • Phoenix: do mesmo criador do Elixir, ele possibilita criar aplicativos interativos e APIs; 
  • Plug: é mais usado em aplicações para web; 
  • Sugar: também é mais usado em desenvolvimento web, levando mais eficácia aos projetos. 

Conheça empresas que usam ou já usaram a linguagem Elixir

Afinal, onde usar Elixir? Essa tecnologia foi adotada por grandes empresas, mas também foi usada por startups menores e em expansão. Conheça algumas das organizações que se baseiam em Elixir para selecionar seus desenvolvedores ou, ao menos, que já usaram Elixir para as suas aplicações. 

  • Adobe; 
  • B2W;
  • Discord; 
  • Globo Play; 
  • iFood;
  • Locaweb;
  • Moz;
  • Pinterest; 
  • WhatsApp (Meta). 

Assim, você deve estar pensando como está a empregabilidade nesta área. Como dissemos, a linguagem não é das mais famosas. Mas o mercado no lado back-end está em crescimento. Nesse sentido, ter um diferencial como esse no currículo poderá lhe abrir portas. 

Salários e vagas 

O que chama a atenção nesta área e serve de incentivo para fazer um curso de Elixir é o salário do desenvolvedor Back-end Elixir. 

A pesquisa de 2021 da Stack OverFlow concluiu que Elixir é a terceira linguagem mais bem paga no mundo, atrás apenas de F# e Clojure. 

O salário médio na carreira, segundo a pesquisa citada, é de US$ 80.077 por ano. No Brasil, a faixa salarial é de R$ 11 mil por mês, ou seja, uma média aproximada de US$ 25.359 por ano. 

Portanto, por ser uma área com menos vagas, o salário acaba tendo uma média superior aos demais.  

Você pode conferir como está a oferta de vagas para esta área clicando aqui

Popularidade 

A linguagem de programação Elixir é utilizada por 1,74% dos desenvolvedores a nível global, conforme apontou a pesquisa Stack OverFlow. Um pouco longe de JavaScript, que ocupou a primeira posição na lista, com 64,96% de preferência. 

E segundo o Índice TIOBE, a tecnologia de origem brasileira está a partir da 51.ª posição. Neste caso, o indicador não aponta a porcentagem, pois a diferença com as demais é pequena e, portanto, elas são classificadas como linguagens que ocupam as posições inferiores no quesito preferência. 

Contudo, como você percebeu até aqui, mesmo não liderando o topo das linguagens mais usadas, Elixir desponta como uma forte candidata entre as stacks desejadas nas startups. Sendo assim, aproveite para conferir as dicas de escolas on-line para fazer seu curso de Elixir. 

Descubra onde fazer curso de Elixir 

Veja agora uma relação de cursos de Elixir e clique nos links indicados para obter mais informações sobre preços, carga horária, conteúdo e tempo de duração. 

👩‍💻 Elixir: sintaxe, programação funcional e pattern matching (Alura) 

A Alura oferece o curso on-line “Elixir: sintaxe, programação funcional e pattern matching”. Nele, o aluno e a aluna aprenderão sobre Elixir, Erlang, sintaxe básica, estruturas de dados, módulos e funções usando Elixir, além de saber mais sobre pattern matching. Você pode conhecer melhor o curso clicando neste link

👩‍💻 Programação funcional com Elixir (Udemy) 

Como o Elixir é uma linguagem funcional, o curso “Programação funcional com Elixir” irá ajudar o desenvolvedor a entender melhor os conceitos nesta área e, sobretudo, colocar esse conhecimento em prática. São 69 videoaulas na plataforma Udemy com o total de 9 horas de duração. O curso é recomendado para quem já tem experiência em qualquer linguagem, mas também conhece o conceito de orientação a objetos. 

👩‍💻 O Elixir completo e o Phoenix bootcamp (Udemy) 

Aprender os conceitos de Elixir e seu framework Phoenix é o objetivo do curso (em inglês) “O Elixir completo e o Phoenix bootcamp”, presente no catálogo da plataforma Udemy. São mais de 17 horas de curso, no qual o programador aprenderá como criar aplicativos web mais atrativos, aprender as ferramentas de Phoenix e muito mais. O curso dá direito a certificado. 

👩‍💻 Elixir para iniciantes (Udemy) 

O curso “Elixir para iniciantes”, em inglês, é mais uma opção presente na Udemy, sendo voltado para entusiastas da linguagem e desenvolvedores em estágio inicial na carreira. 

Assim, o conteúdo traz um guia para iniciantes na linguagem, ferramentas e conceitos funcionais, como ler e escrever o código Elixir, compreender os princípios-chave da programação funcional, dados imutáveis, entre outros. 

👩‍💻 Elixir School 

A Elixir School, formada pela própria comunidade de desenvolvedores, criou um vasto conteúdo de estudos sobre o idioma. Através de um grande esforço, os conteúdos didáticos do site foram traduzidos em vários idiomas, inclusive o Português. Enfim, ele traz verdadeiras aulas sobre como instalar o código até a etapa de debugging. Para complementar, também ensina sobre as ferramentas das principais bibliotecas, como Poolboy, Benchee e Bypass. Acesse e aprofunde seus conhecimentos.  

👩‍💻 Programação funcional (HCode) 

Para aprender Elixir é interessante compreender o conceito de programação funcional, visto que a linguagem é funcional. Nesse sentido, o curso da escola HCode fornece um bom embasamento para o desenvolvedor que deseja ter uma visão mais macro e analítica. A série explica, sobretudo o JavaScript, mas também aborda outras linguagens de programação funcional. Afinal, além do Elixir, temos Lisp, Haskell, Erlang, R e Scala. Saiba mais no link do curso

👩‍💻 ElxPro (Hotmart) 

O ElxPro, hospedado na plataforma Hotmart, é um treinamento 100% on-line que mergulha nas tecnologias Elixir, Phoenix, testes unitários e outras ferramentas, levando o desenvolvedor do zero ao deploy através dos conhecimentos adquiridos. Os módulos são liberados semanalmente. Ao final do treinamento, o programador precisará desenvolver uma aplicação completa, demonstrando assim que aprendeu sobre a stack. Veja todos os detalhes clicando aqui

👩‍💻 Elixir (Rocketseat) 

O Ignite da Rocketseat, que é um programa de formação na sua área de especialização, disponibiliza o curso Elixir no lado back-end. Portanto, para quem deseja utilizar uma programação funcional no back-end, sem riscos de falhas, o Elixir é a solução. O programa é acompanhado pelo professor Rafael Camarda. Veja mais detalhes do programa de formação nesta página

👩‍💻 Aprenda Programação Funcional com Elixir (Educative)

O curso “Aprenda Programação Funcional com Elixir” da Educative também é uma boa opção para o desenvolvedor que deseja aprender e aplicar a linguagem nos seus projetos. Será possível aprender como criar códigos condicionais com funções, modelar dados, trabalhar com variáveis e funções e muito mais. Confira todas as informações neste site

👩‍💻 Introdução ao Elixir (PluralSight)

O curso “Introdução ao Elixir”, com conteúdo em inglês, da PluralSight, ensina todos os passos com essa linguagem brasileira. O desenvolvedor aprenderá o funcionamento de Elixir, sua sintaxe básica, como construir seus próprios módulos, como escrever código e, ao final, testar um aplicativo. 

👩‍💻 Elixir & OTP (The Pragmatic Studio) 

O curso em videoaulas da The Pragmatic Studio tem conteúdo em inglês e é o mais recomendado para quem está começando a codar em Elixir. São 6h de curso, preparando o desenvolvedor para entender bem a tecnologia e ir para o LiveView (que você vê na sequência). Para conhecer melhor o curso Elixir & OTP clique aqui. 

👩‍💻 Phoenix LiveView (The Pragmatic Studio) 

O segundo curso recomendado da The Pragmatic Studio para desenvolvedores Elixir é o Phoenix LiveView. Nele, o DEV terá acesso a uma exploração profunda do ciclo de vida de um LiveView. O curso também dá um passo adiante, analisando o tráfego do websocket para ver como o LiveView oferece atualizações otimizadas da interface do usuário em velocidades extremamente rápidas.

👩‍💻 Full-Stack GraphQL com Absinthe, Phoenix e React (The Pragmatic Studio)

O Absinthe é o kit de ferramentas GraphQL para Elixir. Portanto, esse curso ensina a utilizá-lo, trazendo conceitos de Phoenix e React. É possível combinar Absinthe com a estrutura super-rápida do Phoenix para ter uma API GraphQL robusta e de alto desempenho. Depois disso, desenvolva um front-end usando o Apollo React para um aplicativo full-stack mais eficaz. Veja todos os detalhes do curso acessando este link. 

Conclusão 

Você viu neste conteúdo o que é Elixir, como está seu posicionamento no mercado tech e também onde fazer curso de Elixir. Embora possa parecer que a demanda no ecossistema das startups não está tão evidente, os profissionais qualificados nesta área não ficam sem emprego. 

E, por falar em emprego, você já conhece a plataforma Coodesh? Somos uma startup de validação de desenvolvedores para o mercado, ou seja, ajudamos DEVs a encontrarem o emprego dos sonhos. Você pode conhecer melhor nossa plataforma se cadastrando gratuitamente. Clique aqui e saiba mais.

o que são microservices

O que são microservices?

carreira internacional de software engineer

Como construir uma carreira internacional como software engineer?