in

O que é ETL?

Não é possível imaginar quantos dados são gerados por dia em todas as aplicações, plataformas de mídias sociais, em nuvem e na internet. O certo é que essa produção aumenta segundo a segundo devido à infinidade de serviços correlacionados à tecnologia da informação. Mas o que você precisa saber é que boa parte do tratamento desses dados que nos acompanham nas nossas rotinas contam com um componente especial: sendo assim é primordial saber o que é ETL, sobretudo se você é iniciante em programação. 

Por isso, o Dicionário Tech da Coodesh trouxe o tema para apresentar brevemente o conceito do que é ETL, seja para quem está dando os primeiros passos no desenvolvimento de sistemas, para quem é tech recruiter e deseja ficar por dentro dos termos técnicos e ainda para quem é apaixonado por tecnologia. 

Portanto, ETL é o resumo de

  • E: extract (extração); 
  • T: transform (transformação); 
  • L: load (carregamento). 

Na prática, ele é uma ferramenta de software. A sua função, enfim, se explica pelos 3 processos que representam cada letra da sigla. Veja, então, as explicações a seguir. 

Extract 

Como o próprio nome sugere, o processo de extração do ETL consiste em pegar os dados que estão em um banco de dados para levá-los para outro destino. Ele realiza a coleta de dados dos sistemas operacionais conforme o original. 

Transform

Em um segundo momento, a ferramenta transforma os dados conforme as necessidades do negócio. Imagine, por exemplo, a seleção de uma coluna na qual “Homens” sejam identificados com o número 1, e “Mulheres” com o indicador 2, ao passo que esses dados serão levados para outro sistema, em que “Homens” são lidos como “H” e “Mulheres” como “M”. 

Por isso, a função do sistema é transformar os dados, mantendo-os corretos e atendendo às necessidades de utilização. 

Load 

O load, também chamado de carregamento ou carga, é a etapa final do processo. Portanto, ele é responsável pela entrega dos dados que são carregados no Data Warehouse ou Data Mart. 

Em síntese, a extração e o carregamento são indispensáveis. Mas a transformação nem sempre ocorre. Isso porque os dados podem não precisar de manipulação em alguns casos. Por outro lado, podem precisar de ajustes conforme a necessidade do negócio. 

Ferramentas 

No entanto, todo esse processo pode ser um desafio, visto que as fontes são, em sua maioria, diferentes. Nesse sentido, algumas ferramentas de ETL são bastante requisitadas no dia a dia das equipes de developers. Entre elas estão: 

  • IBM InfoSphere DataStage; 
  • Informática Power Center;
  • SAP BusinessObjects Data Services;
  • Microsoft SQL Server Integration Services (SSIS); 
  • Pentaho Data Integration; 
  • Oracle Data Integrator (ODI);
  • Entre outras.

Portanto, para que haja a integração de dados nas mais diferentes aplicações, é essencial contar com essas ferramentas. 

Embora elas sejam mais usadas em projetos de Data Warehouse, elas também têm sua função junto à Business Intelligence (BI). 

Sendo assim, o ETL tem sido muito usado para integrar softwares, projetos de banco de dados e muitos outros. 

Conclusão

Você viu no Dicionário Tech de hoje o que é ETL e porque é importante dominar essa habilidade, afinal, ela é útil no dia a dia da equipe de desenvolvimento por levar mais clareza e funcionalidade aos dados gerados. 

Agora, se você está buscando vagas de estágio, freelancer ou fixas no universo do desenvolvimento, conheça a Coodesh. Somos uma startup remota de recrutamento tech para empresas e startups. Conheça nossas vagas para DEVs e cadastre-se em nossa plataforma para ter acesso, em primeira mão, às vagas de emprego nesta área.

Escrito por Gizele Silva

Formada em jornalismo, sou apaixonada por comunicação e tecnologia, além de adorar descobrir as soluções que o marketing de conteúdo traz aos negócios.

Conheça boas práticas de onboarding remoto

Inteligência Artificial no recrutamento: como ela pode ajudar o RH?