in ,

Processo de recrutamento e seleção: veja o passo a passo

A escolha do profissional que irá ocupar a vaga passa por várias etapas

O processo de recrutamento e seleção exige uma atenção especial. Uma das maiores verdades que existem no ramo empresarial é que é necessário contar com colaboradores qualificados para uma instituição ser considerada realmente boa. Nenhuma corporação consegue se desenvolver e atingir altos níveis de lucratividade sem contar com uma equipe de profissionais que contribua para essa evolução.

Com isso, para se atingir um alto nível de excelência e produtividade dentro de uma empresa, surge a necessidade da realização de um eficiente processo de seleção e recrutamento de funcionários. Durante esses processos ocorre a escolha dos melhores profissionais para ocupar as vagas abertas na empresa e, por consequência, integrar o quadro de colaboradores. 

Apesar de parecer inicialmente que se trata de processos simples de serem executados, o recrutamento e a seleção de novos funcionários exige muito atenção. Além disso, pede cuidado para não passar nenhum detalhe importante. Por conta disso, é de extrema importância a utilização de algumas técnicas específicas. Elas visam fazer com que tudo ocorra de maneira rápida e eficaz.

RH

Além disso, para que esses processos ocorram sem nenhum problema, muitas vezes também é preciso contar com um setor de recursos humanos dentro da empresa. Os profissionais que compõem essa área são treinados e qualificados para conseguir selecionar os melhores candidatos.

Dessa maneira, quer conhecer ainda mais sobre como funciona o processo de recrutamento e seleção dentro de uma corporação? Então, continue a leitura desse artigo até o final. Saiba o que é recrutamento e seleção de fato, quais os principais tipos de recrutamento, um passo a passo para a realização desse processos e novas tendências dentro da área.

O que é recrutamento e seleção? 

Para você conseguir continuar lendo esse artigo, antes de tudo você precisa compreender que recrutamento e seleção são duas etapas diferentes do mesmo processo, no caso da contratação de funcionários. Dessa maneira, veja abaixo a conceituação de cada uma das palavras e a sua importância:  

Recrutamento 

Na área de recursos humanos o termo recrutamento está ligado à parte de atração de candidatos para ocupar as vagas que estão abertas dentro de uma organização. Essa etapa tem como principal objetivo, portanto, encontrar o maior número de profissionais aptos para ocupar o cargo disponível.

Quanto maior for o número de pessoas qualificadas, que estejam dispostas a fazer parte do quadro de funcionários da empresa, maiores são as chances de encontrar alguém que se encaixe perfeitamente nas necessidades existentes. Além disso, também aumenta o conhecimento dos profissionais que estão disponíveis no mercado para uma nova contratação emergencial. 

Dessa forma, se atente que esse processo não ocorre apenas quando existe algum cargo ou vaga disponível. Ele deve acontecer de maneira contínua. Mas se intensificando nesses períodos. Para conseguir atingir o sucesso no ramo empresarial é preciso estar sempre atento a novos talentos que possam surgir no mercado. 

Seleção

A seleção já é considerada uma segunda etapa no processo de contratação de um funcionário, ocorrendo posteriormente ao recrutamento. Com isso, a seleção passa a acontecer após o recrutamento de um determinado número de profissionais. Ela tem o objetivo de selecionar qual pessoa irá ocupar a vaga que está livre na empresa.

Para realizar esse procedimento de maneira mais coerente e eficaz possível, os profissionais de recursos humanos utilizam diversas técnicas de seleção. Eles avaliam o candidato de uma maneira justa. Desta forma, veja abaixo algumas técnicas usadas durante o processo de seleção de uma vaga:

  • entrevistas por vídeo;
  • testes de habilidade;
  • provas escritas ou práticas;
  • produção de conteúdo. 

Aproveite para saber mais sobre o conceito de diversidade na montagem do time.

Tipos de recrutamento 

Como já foi citado anteriormente, a etapa de recrutamento consiste na atração de profissionais qualificados para ocupar um cargo que esteja vago dentro de uma corporação. É de extrema importância se atentar à característica de cada um dos procedimentos. Isso porque eles podem ser mais ou menos indicados para a situação específica de cada empresa.

Com isso, veja abaixo as principais maneiras que existem para realizar essa etapa dentro de um processo de contratação:

  • recrutamento interno – Esse procedimento acontece dentro da própria instituição. O recrutamento de candidatos para um cargo que ficou vago fica restrito apenas aos funcionários que já são contratados. Esse procedimento proporciona uma considerável redução de custos durante todo o processo, além de gerar uma maior rapidez pela facilidade de conhecimento dos perfis dos candidatos e uma retenção de talentos dentro da empresa. 
  • recrutamento externo – Mais comum dos procedimentos aqui apresentados, o recrutamento externo consiste na busca de novos profissionais que estejam disponíveis dentro do mercado de trabalho. Esse modelo promove um aumento da qualidade já existente dentro da empresa, além de favorecer um ganho na motivação do profissional posteriormente contratado. 
  • recrutamento misto – Como você já pode compreender do próprio nome do procedimento, o recrutamento misto se utiliza de uma mistura das técnicas utilizadas nos dois processos anteriores: o interno e externo. Dessa maneira, é analisado tanto candidatos externos quanto internos para a vaga disponível, fazendo com que seja possível garimpar novos talentos que estejam disponíveis no mercado. Além disso, dá para valorizar os que já estão dentro da própria empresa. 
  • recrutamento on-line – Com o auxílio das novas tecnologias que têm surgido, o recrutamento on-line se baseia na utilização do meio digital para realizar a primeira ou todas as etapas do processo de contratação. Devido a isso, são usados softwares e ferramentas específicas que, se forem empregados corretamente, conseguem promover um maior alcance na divulgação da vaga. Além disso, uma comunicação mais facilitada com os candidatos, além da automatização de algumas tarefas durante o processo.

Passo a passo para realizar um recrutamento e seleção de sucesso 

Se você chegou até aqui é porque está realmente interessado em conhecer quais são os procedimentos que devem ser seguidos para se conseguir realizar um recrutamento e seleção com eficácia. Desta maneira, veja abaixo o passo a passo para realizar uma boa contratação:

1. Definição das vagas disponíveis

A primeira medida a ser tomada, antes mesmo do processo de recrutamento e seleção dos possíveis candidatos, é a determinação das vagas que serão disponibilizadas para o processo seletivo da empresa. Normalmente, isso é definido em conjunto pelo recursos humanos (responsável pela área onde o profissional será contratado) e o administrativo da instituição.

2. Atribuições e salários do cargo 

Em conjunto com a definição das vagas disponíveis, também é necessário determinar quais são as atribuições do cargo e competências exigidas para que o candidato possa concorrer ao emprego. Além disso, também será preciso estipular qual é a remuneração que será paga para o profissional que for selecionado.

Essas descrições favorecem todo o processo de contratação, pois ajudam a encontrar apenas os profissionais que estão realmente interessados na vaga.

3. Meios de divulgação da vaga

Após essas definições iniciais chega o momento de estabelecer quais serão os meios onde as vagas disponíveis serão divulgadas. Compreenda que: canais gratuitos conseguem fazer com que se tenha um maior alcance da divulgação. Enquanto que os pagos acabam por apresentar candidatos mais qualificados e, muitas vezes, já com o próprio currículo sendo exigido. 

Dessa forma, veja abaixo alguns exemplos de canais que você pode usar para divulgar as vagas disponíveis na sua empresa: 

  • redes sociais;
  • agências de empregos;
  • sites especializados;
  • mural interno.

4. Triagem dos currículos

A partir da divulgação da função que está vaga, os primeiros currículos começarão a surgir. Com uma quantidade mínima de currículos por vaga, que pode ser de 10 candidatos, por exemplo, já é possível começar a análise. Veja quais os profissionais que melhor atendem à demanda disponível e realize uma triagem. Basta chamar para a próxima etapa aqueles que mais agradaram. 

5.Seleção presencial 

A seleção presencial é uma parte importante do processo. Contudo, com as medidas de isolamento social por conta da pandemia da Covid-19, ela foi substituída pela seleção on-line.  

O objetivo é conhecer ainda mais a pessoa. Além disso, avaliar as suas competências, experiências profissionais e histórico.  

6.Reunião com responsáveis pela área de atuação 

Passam para a próxima fase aqueles que forem considerados os melhores e mais qualificados durante essa etapa de seleção presencial com um profissional de recursos humanos da empresa. Esse nova fase do processo seletivo consiste em um reunião on-line com o responsável pela área de atuação da vaga disponível, ou seja, o futuro chefe. Essa reunião pode definir quem fica ou não com o emprego. 

7. Escolha do (a) candidato (a) 

Após todo o processo de avaliação é chegado o momento de definir quem serão os mais novos contratados da empresa. Após escolher os candidatos e informá-los da decisão, não esqueça de também dar um retorno para aqueles que não foram aprovados neste processo seletivo. Futuramente eles também podem fazer parte da empresa. 

Novas tendências e o uso da tecnologia 

Como você pode perceber, a internet tem se tornado uma ferramenta importante em todas as áreas de trabalho. Com os processos de recrutamento e seleção de candidatos não é diferente. Com isso, tem surgido o conceito de recrutamento e seleção 2.0. Ele significa, basicamente, a aplicação da tecnologia em todas as etapas do processo.

Essa utilização favorece a otimização dos procedimentos usados. Isso faz com que a contratação dos candidatos se torne mais ágil e precisa do que o recrutamento tradicional. Também é possível se alcançar uma visão mais estratégica dos postulantes à vaga, levando em consideração fatores além do profissional. 

Dessa forma, veja abaixo quais as principais tecnologias utilizadas pelas empresas durante um processo de recrutamento e seleção 2.0:

  • Big Data;
  • People Analytics;
  • Machine Learning;
  • Inteligência Artificial; 
  • softwares de análise comportamental;
  • banco de dados.

Conclusão 

De uma maneira geral, o processo de recrutamento e seleção de candidatos exige muita atenção e cuidados por parte dos selecionadores. É preciso entender que o melhor profissional disponível deve ocupar a vaga. Sendo ele da própria empresa ou do mercado, e não alguém por mera indicação ou conveniência.

Além disso, também é preciso compreender que cada empresa terá o seu fluxo de organização própria, podendo combinar diversas técnicas e tecnologias a favor da realização da melhor escolha.

Aproveite para conhecer a plataforma de vagas e de recrutamento e seleção da Coodesh voltada para a formação de squads eficientes. 

Escrito por Especialista Coodesh

Ajudamos a sua empresa a economizar tempo e dinheiro rastreando os melhores candidatos em processos de recrutamento TECH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carregando...

0

Comments

0 comments

Divulgação de vagas: como otimizar e captar novos talentos

Carreira: veja o perfil de back-end developer em Java