Vale a pena seguir carreira de Back-end C# .NET Core?

A carreira de Back-end C# .NET Core está entre as mais requisitadas nas empresas. Para se ter uma ideia, a linguagem e a plataforma da Microsoft figuraram entre as carreiras mais comuns entre developers em 2020. Isso indica que o mercado está aquecido. Mas como ingressar nesse meio? 

Para quem está ingressando no mercado ou quer mudar de carreira, as possibilidades são imensas. Mas é interessante ficar atento e acompanhar as tendências não só do Brasil. 

Isso porque com a pandemia, os serviços digitais que dependem dos DEVs cresceram no mesmo ritmo. Por isso, se não há vagas interessantes em empresas brasileiras, você pode procurar emprego remoto nas startups de outros países. 

Nesse sentido, a carreira de Back-end C# .NET Core está em alta em outras partes do mundo também, segundo a pesquisa StackOverflow Developer Survey 2020. 

Assim, se você tem afinidade com essa área e quer construir uma carreira de Back-end utilizando a linguagem C# e a plataforma .NET Core, comece já. 

O que faz um Back-end C# .NET Core developer?

Basicamente, o Back-end developer trabalha nos “bastidores” para que as aplicações rodem conforme o usuário final deseja. Quando acessamos um website, um aplicativo ou um software nem imaginamos a série de códigos e comandos necessárias para tudo funcionar bem a partir de um simples clique. 

Dentro do back-end há uma série de linguagens e frameworks que podem ser escolhidos. Cada um deles permite olhar a programação sob um ângulo diferente. Mas aqui estamos falando do C# e do .NET Core, que você verá mais detalhadamente adiante. 

C# 

O C# (lê-se C Sharp) é uma linguagem de programação orientada a objetos. Inicialmente, ela foi baseada em C ++, juntamente com elementos do Pascal e do Java. 

Na sua criação, ela foi desenvolvida com o nome de COOL (C-like Object Oriented Language), mas mudou seu nome para C# no seu lançamento. 

Ela foi criada para ser utilizada na plataforma .NET, da Microsoft, e favoreceu muito o seu desenvolvimento após o seu lançamento. No período de criação, vários desenvolvedores participaram do projeto, com destaque para o engenheiro Anders Hejlsberg,

Apesar disso, outras linguagens também são comportadas em C#, como VB.NET, C ++ e J#. 

Ao lado de outras linguagens, como JavaScript, PHP e GoLang, por exemplo, o C# está entre as mais usadas nos times de desenvolvimento. 

.NET Core 

Já o .NET Core é um framework que tem sua criação ligada à plataforma .NET da Microsoft. 

Para lembrar, o framework tem o objetivo de automatizar os processos de desenvolvimento, conferindo mais economia de tempo, escalabilidade, segurança e integração nas aplicações. 

LEIA TAMBÉM: Saiba mais sobre a carreira de Desenvolvedor Python  

Nesse contexto, a .NET Core pode ser usada com diferentes sistemas operacionais, como Windows, Linux e Mac, sendo uma solução leve e modular. 

Na prática, ela é uma variação da .NET Framework e conta com a ajuda da comunidade de desenvolvedores(as). Basicamente, ambos usam a mesma base de código, mas funcionam de maneira independente. 

Quais os níveis de experiência? 

Assim como nas outras carreiras, a pessoa desenvolvedora Back-end C# .NET Core também pode iniciar como Júnior, passar para Pleno e chegar a ser Sênior. 

Certamente, com o passar dos anos pode ir adquirindo mais experiência e ganhando mais autonomia para participar de projetos sozinho. 

Lembrando, é claro, que o mercado de tecnologia é muito dinâmico e o DEV pode iniciar em uma linguagem e migrar para outra conforme a necessidade do emprego e a adaptação às diferentes tecnologias. 

Qual é o salário do Back-end C# .NET Core? 

O salário de um Back-end C# .NET Core varia de empresa para empresa e, principalmente, conforme a experiência da pessoa contratada. 

Mas se você está pensando em ingressar nesta área, pode se animar, pois um levantamento da Glassdoor indica uma média de R$ 7.604,00 pagos no Brasil para desenvolvedores(as) .NET. 

No mundo, segundo o ranking da empresa HackerRank, o salário médio anual é de US$ 58.469,10 (equivalente a uma média de R$ 25,4 mil por mês no Brasil). 

Onde encontrar vagas?

Se você pensou em LinkedIn diante da pergunta de como encontrar vagas de emprego para DEVs Back-end está certo. Mas certamente a sua busca terá resultados mais assertivos se você procurar plataformas de recrutamento tech. 

Afinal de contas, vagas desatualizadas ou com job description mal definidos podem lhe atrasar a sua busca pela recolocação profissional ou primeiro emprego. 

Aproveite, então, para pesquisar vagas de Back-end C# .NET Core no website da Coodesh. Você também pode pesquisar outras vagas em comunidades de Back-end. 

Onde estudar? 

Para se tornar Back-end C# .NET Core, você pode iniciar uma graduação na área de Tecnologia da Informação. 

Mas para se aperfeiçoar na área, é importante fazer cursos sobre a linguagem. Para isso, confira as opções em sites como Udemy, Alura, Desenvolvedor.io, entre outros. 

Conclusão 

Como você viu, o(a) desenvolvedor(a) Back-end C# .NET Core pode encontrar um mercado de trabalho em crescimento e com salários atrativos. Para isso, você precisa se aperfeiçoar na área, fazer os devidos cursos e buscar vagas de emprego nos lugares certos. 

Por isso, comece fazendo uma sondagem: acesse o site da Coodesh e busque as vagas em C# e .NET. Aproveite para pesquisar as demais oportunidades e se cadastrar na nossa comunidade. 

E continue acompanhando os demais conteúdos do blog!

O que é Query?

Como controlar a jornada no home office?